quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Mais algumas linhas

Breve crônica da hora do improviso

istribuem-se olhares e caretas; os corpos, prum lado e pro outro; a cabeça pende e os lábios gemem sorrisos. Os pés brincam com o chão: com o corpo - assim que se goza a música.









Outra dA Noite

A noite é uma criança. Que grita a noite inteira. Que esperneia. Que, só pra ver se durmo hoje, nas últimas horas eu fiz questão de dopar com todas as drogas.

3 comentários:

Neuromancer disse...

Vejo que a noite foi boa, *-*.

Matteo disse...

urrul! brasilia à noite né safado, também quero

Tiago disse...

Estava eu pesquisando sobre a China e seus interesses em sediar a Olimpíada e fui redirecionado ao blog, achei o que precisa, mas não parei por aí, continuei lendo o blog, que aliás é muito bom. Continuem assim!